top of page

ARTISTAS 2023

Alice Belugou - Harpa

azkkmfyibtlhqnp3_1605002601_1.jpg

Alice Belugou estudou piano, harpa e musicologia em diferentes instituições em Paris. Formou-se bacharel em harpa em 2013, pedagoga (DE) em 2014 e premiada em cultura musical em 2013 pelo Pôle Supérieur Paris Boulogne-Billancourt (PSPBB), bacharel em musicologia pela Université Paris-Sorbonne em 2011, e um certificado de conclusão da escola em piano em Evreux em 2009. Em 2015, ela recebeu um mestrado em performance de harpa com um prêmio especial por seus recitais de harpa da Haute Ecole de Musique de Lausanne (HEMU), onde estudou com Letizia Belmondo. Ela se formou em 2017 com mestrado em pedagogia e música nova pela Hochschule für Musik em Basel. Desde 2018, estuda no Conservatoire National Supérieur de Musique et de Danse de Paris para se formar com um Diplôme d’Artiste Interprète especializado em música nova.

 

Em 2017, recebeu o Fritz Gerber Award e foi laureada com o conjunto Georges do International Hugo Competition. Em 2018 recebeu o 2º prémio do concurso International Dutch Harp Festival e em 2020 uma bolsa da Fondation Meyer (Paris) para a gravação de um CD a solo.

 

Alice participou em vários festivais de música como solista e com conjuntos ou orquestras como Lucerne Festival Academy (Suíça), Darmstadt Summer Courses for New Music (Alemanha), Festival Archipel (Suíça), New Directions Festival (Suécia), Zeiträume (Suíça) ), Manifeste (França), On (Köln), Tage für Neue Musik (Zurique), festival Rümlingen (Suíça), Kontakte (Berlim), CMMR 2019 (Marselha) entre outros.

 

Apresentou-se com diversos ensembles e orquestras especializados em música contemporânea, como Ensemble InterContemporain, Klangforum Heidelberg, Tempus Konnex, Namascae, Neuverband e a Lucerne Festival Academy Orchestra, mas continua a apresentar repertório clássico e toca frequentemente com a Orchester de Chambre de Normandia.

 

Atualmente, eles trabalham juntos em colaboração com a harpista Estelle Costanzo no segundo projeto de seu dueto AEcstaly. Os dois gaitistas tocaram em setembro de 2019 Freude de Karlheinz Stockhausen e ecoam sim não, uma nova peça escrita para eles por Mike Svoboda e fizeram uma turnê suíça em janeiro de 2020 com o mesmo programa apoiado pelas fundações Nicati de Luze, RKK Luzern e SIS, a.o..

https://alicebelugou.com

bottom of page